SEM DEIXAR DÚVIDAS

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Irretocável, São José goleia o São Paulo e conquista o tri-paulista

Foto: TIao Martins/PMSJC
Foto: TIao Martins/PMSJC

Por: Rafael Alves
rafael@planetautebolfeminino.com.br
Vídeo: CSE Sports

De maneira incontestável, o São José goleou o São Paulo e conquistou pela terceira vez, o título paulista. Diante de aproximadamente 4 mil torcedores o time do interior simplesmente goleou o tricolor paulista, que estava jogando sua última partida, por 6×1, dois gols de Gislaine, dois de Chu, e os últimos dois de Carlinha. Nágela, fez o gol de honra, ainda no final do primeiro tempo.

A partida começou com muita disputa no meio campo, mas demorou muito para a primeira chance surgir. Chu, que recuperou uma bola perdida, carregou até a entrada da área. Rubi fez boa defesa. Com o São José pressionando, aos 11 minutos, o gol acabou acontecendo e de forma polêmica. Após cruzamento para a são-paulina, Chu, conseguiu passar para Gislaine, que ajeitou e chutou pro gol. Giovana estava em cima da linha, o que tornouo lance duvidoso. O arbitro Marcelo Rogério marcou o gol.

Bastou isso para o time do Vale começar a tomar conta do jogo. O São Paulo tentava sair em velocidade, mas encontrava um forte marcação.

Aos 18, novamente com bola pardada, novamente Gislaine, ampliou para o São José. Naquela altura o time de Emily Lima poderia até tomar o empate, que ainda assim, ficaria com título.

O tricolor seguia tentando alguma chance com as saídas em velocidade da Bia e da Giovanna, mas sem muito sucesso. Carla, destaque da equipe na competição, não pode fazer muito. O São José seguia aproveitando. Em chute de Portilho, Rubi, fez boa defesa.

Na tentativa de alterar o quadro nada favorável, Marcello Frigério fez duas alterações aos 28 minutos, colocando Tiganinha e Sole, no lugar de Portilho e Giovana Crivelari, que não escondeu a insatisfação na saída. Logo depois, Chu, marcou o terceiro após excelente jogada Pepe pelo lado direito

O São Paulo diminuiu ainda no primeiro tempo, com Nágela, que aproveitou cruzamento de escanteio e cabeceou sem ângulo.

Foto: TIao Martins/PMSJC
Foto: TIao Martins/PMSJC

No segundo tempo, mesmo na frente do placar, o São José seguia buscando o gol, e aos 26 Chu, fez o segundo gol dela no jogo e o quarto, do São José. A atacante deu lugar a Carlinha, que fez o quinto e o sexto gol joseense. Daí em diante, foi aguardar o apito final para comemorar o terceiro título, se igualando a Santos, Botucatu e Portuguesa além de ter quebrado o recorde se tornando a equipe que mais chegou em finais de forma consecutiva.

Confira os melhores momentos:

 

Comente

comments