NWSL NA RETA FINAL

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Há 4 rodadas do fim, a NWSL segue sua linha imprevisível a cada rodada, guardadas as exceções.

Foto: Twitter Washington Spirit
Foto: Twitter Washington Spirit

Por: Amanda Marinho

Depois de um começo lento, o Seattle Reign engatou na hora certa e conseguiu ultrapassar o Chicago Red Stars, time mais regular da temporada e que liderava o campeonato desde as primeiras rodadas. Uma das surpresas é a presença firme do Washington Spirit sempre no top 4 da liga, mesmo com os  incontáveis problemas no ataque que o time teve que enfrentar.

A briga pela última vaga nos playoffs (ou até as duas últimas vagas) segue franca, com FC Kansas City, Houston Dash e Portland Thorns muito próximos. O Sky Blue é aquele que corre por fora, mas é bastante prejudicado por sua irregularidade. WNY Flash e Boston Breakers não apresentam grandes ameaças e devem começar a pensar no draft de 2016 para se reforçar.

Nas últimas rodadas o time que mais se destacou foi o Portland Thorns. Depois de uma sequencia ruim sem conseguir vencer  e decepcionando sua torcida que sempre vai aos montes ao estádio (números sempre superiores aos 10 mil torcedores), o Thorns venceu duas partidas seguidas na rodada 17 e se aproximou da zona de playoffs.

O FC Kansas City foi outro time que começou devagar mas está encontrando seu ritmo de jogo. O time conseguiu uma vitória para a encher a moral do elenco contra o WNY Flash. A goleada de 4×0 foi fechada com um golaço de falta de Yael Averbuch, trocada na offseason e pouco utilizada na temporada.

No Washington Spirit o grande trunfo foi Crystal Dunn. Depois de ter ficado fora da Copa do Mundo, a jogadora marcou 12 gols em 15 partidas pelo Spirit. Apesar de duro, não é errado dizer que ter sido esnobada por Jill Ellis foi a melhor coisa que aconteceu em sua carreira. Dunn joga a temporada 2015 como quem quer provar o seu valor, e sem dúvida tem conseguido. É a grande favorita ao MVP dessa temporada.

Enquanto isso, WNY Flash e Boston Breakers sofrem por terem perdido suas estrelas da seleção norte-americana. O Flash só conta com Whitney Engen da seleção dos Estados Unidos. O time buscou reforços depois da Copa do Mundo e conseguiu a colombiana Lady Andrade e a australiana Michelle Heyman, mas as contratações ainda não renderam muito. Já o Boston conta apenas com Alyssa Naeher, a goleira que tem muita qualidade recebe pouquíssima ajuda de sua defesa, o que não ajuda em nada o time a evitar derrotas atrás de derrotas.

A essa altura, os francos favoritos para os playoffs são Seattle Reign, Chicago Red Stars, Washington Spirit e FC Kansas City. Os dois primeiros devem brigar até a última rodada pelo título da temporada regular. Os dois últimos devem tomar cuidado com a aproximação de Dash, Thorns e Sky Blue, que podem surpreender na reta final.

Portland Thorns x Chicago Red Stars

Kansas City x Western New York

Houston Dash x Sky Blue

Boston Brakers x Washington Spirit

Comente

comments